Casos de miopia estão aumentando, inclusive entre crianças

Postado em: 26/10/2018 ás 10:50 AM / Categorias: Notícias / Nenhum Comentário /

A miopia é um dos problemas mais comuns na visão e, dependendo do grau,  a condição faz com que a pessoa só enxergue bem o que está logo a sua frente. Um estudo da Organização Mundial de Saúde (OMS) mostra que metade da população mundial até 2050 será afetada pela miopia, um total de quase 5 bilhões de pessoas. No Brasil, o estudo indica que até 2040 teremos um aumento de 89% dos casos de alta miopia.

Acredita-se que o problema tem se agravado devido a uma redução das atividades ao ar livre e, aumento do tempo dedicado às ações realizadas a uma curta distância dos olhos (uso excessivo de tablets, telefones celulares e leitura).

“A miopia tem um componente genético e surge geralmente na idade escolar e adolescência. Porém, temos visto que mesmo crianças com baixo risco genético estão desenvolvendo miopia, e cada vez mais cedo. Recomenda-se que as crianças sejam estimuladas a aproveitar mais o seu tempo disponível em atividades ao ar livre e evitem o uso excessivo de aparelhos eletrônicos”, ressalta a oftalmologista Marina Costa.

Dra. Marina Costa destaca que casos de miopia estão aumentando, inclusive entre crianças.

“A miopia, principalmente quando em alto grau, está relacionada a maior incidência de doenças oculares que podem levar à cegueira, descolamento de retina, glaucoma e degeneração macular associada  à patologia, necessitando assim de um acompanhamento frequente pelo oftalmologista”, esclarece Dra. Marina.

A especialista elenca quais são os principais sintomas da miopia: “Dificuldade para enxergar objetos que estão longe, forçar os olhos para enxergar melhor e dores de cabeça, estão entre as principais queixas”, destaca.

O tratamento da miopia pode ser feito com óculos, lentes de contato e cirurgia refrativa. “O uso de óculos é recomendado para crianças. Quando o paciente já conseguir fazer a higienização das lentes, ele poderá optar por utilizá-las. Aos 21 anos, a cirurgia refrativa torna-se uma alternativa para a melhora da visão e redução da necessidade do uso de óculos e/ou lentes de contato”, finaliza Dra. Marina Costa.

Comments are closed.