Hospital Francisco Vilar faz teste rápido para Covid em todos os colaboradores

Postado em: 28/05/2020 ás 10:39 AM / Categorias: Notícias / Nenhum Comentário /

Seguindo as orientações do Ministério da Saúde e entidades sanitárias de Teresina, o Hospital de Olhos Francisco Vilar (HOFV) adotou uma série de medidas de segurança para o retorno gradual das atividades e o combate ao coronavírus. Uma delas é a testagem rápida de todos os colaboradores para a Covid-19.

A medida preventiva foi realizada durante dois dias com funcionários das duas unidades do Hospital em Teresina, no Centro e Jóquei. “Estamos cumprindo o decreto da Prefeitura Municipal que determina que empresas com mais de 31 colaboradores realizem o teste rápido. Aplicamos a testagem em 100% dos nossos colaboradores ativos e nenhum foi positivo para a Covid-19”, explica Eudes Junio, responsável pelo Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT).

   

O teste rápido usado foi o Sars-CoV-2, que analisa se o funcionário já teve contato com o vírus e possui anticorpos de defesa no organismo. O exame foi feito por setores, primeiro os colaboradores assistenciais, que lidam direto com os pacientes, administrativos, médicos, profissionais que recebem mercadorias e de limpeza também foram testados.

“Em caso de resultado positivo o hospital segue um fluxo padrão de acompanhamento dos colaboradores com suspeita ou confirmado de Covid-19. Ele será orientado a procurar o hospital com o resultado do teste, para que seja acompanhado e afastado do trabalho seguindo a conduta do médico. Os funcionários com síndrome gripal, febre, coriza, tosse ou falta de ar devem comunicar a CCIH e ao SESMT para orientações a serem seguidas. Para buscar esses colaboradores suspeitos, fazemos diariamente um questionário para um controle da saúde de todos”, detalha Mariella Ribeiro, responsável pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH).

Além disso, o Hospital conta com um rígido protocolo de segurança seguindo por todos os colaboradores, médicos e pacientes. As medidas incluem: reforço nos cuidados com limpeza e desinfecção de superfícies; verificação da temperatura corporal de colaboradores e pacientes na entrada; uso obrigatório de máscaras e todos os EPIs de segurança; espaços arejados com janelas abertas para renovação do ar; atendimento reduzido e limitado para evitar aglomerações com hora marcada e somente um acompanhante, caso seja necessário; local separado para atendimentos de urgência e emergência; reorganização de assentos nas recepções para respeitar o distanciamento; disponibilidade de álcool gel 70% em todas as áreas internas para realização de higiene das mãos e barreiras nos equipamentos para evitar contato entre paciente e médico.

Todas as práticas adotadas, visam manter a segurança de pacientes e colaboradores e impedir a propagação do novo coronavírus.

Comments are closed.

Open chat
Powered by